INÍCIO‎ > ‎Noticias_Extp‎ > ‎

12º LH1 no Porto

Publicado a 18/02/2018, 10:55 por Eva Michel   [ atualizado a 19/02/2018, 00:58 por Sandra Gonçalves ]

Esta experiência foi um misto de sensações:

por um lado, marcada pelo frio e escuridão da cidade;

por outro, o calor humano que se fazia sempre presente.

Nunca tinha visitado o Porto.

Fascinei-me com a beleza dos seus edifícios,

das suas ruas estreitas, das gentes,

do sotaque marcado e inconfundível.

Escolher o Porto é, em grande medida, reviver os séculos XVIII, XIX e XX.

É conviver num mercado com gentes genuínas,

desfrutar dos cheiros das frutas, das flores, do peixe,…!

Nem podíamos acreditar! A viagem que levou meses a ser planeada tornara-se agora realidade e ganhara cada vez mais forma.

No bolso, levávamos o roteiro (nunca abandonado pela presença da chuva).

Percorremos a Bolsa e deslumbramo-nos com o Salão Árabe e as memórias presentes,…

Fomos a Serralves, a casa-mãe da arte contemporânea,

e desfrutamos dos inspiradores jardins, que a muitos remeteram para Versailles!

A mim, remontavam-me para a Real Tapada de D. João V, em Mafra – fonte de liberdade.

Aí o nosso pensamento elevou-se e as palavras, partilhadas ao acaso com os colegas do lado, transportavam-nos para o surrealismo.

Esta “visita de estudo” ofereceu-nos, para além de tudo o que já mencionei, uma aprendizagem social – consciencialização do «ser português».

Incentivou a autonomia e o sentido de responsabilidade perante regras e diretrizes em contexto de grupo fora do espaço escolar.

Permitiu-me estar em contacto com os outros – um contacto enriquecedor!

Ainda com esta experiência, conheci a incontornável Livraria Lello,

um lugar mágico, onde eu ficaria, certamente, toda a tarde!

Cruzamos a Ponte Luís I, magnífico exemplar da arquitetura do ferro.

Descemos do Paço Episcopal até à Ribeira:

vimos as casas históricas e os vestígios da cidade medieval.

Os segredos das escadarias, que se entrelaçavam nas vielas,

culminaram então na vista fantástica para o rio Douro

e nas fotos e selfies à beira-rio, que todos postam no Instagram!

Esta foi uma viagem da TURMA para a TURMA.

Se valeu a pena toda a chuva, frio, preparação da viagem e horas de autocarro?

VALEU.           

 

Em nome de toda a turma, um especial agradecimento aos professores acompanhantes:
Ana Maria Manteigas, Guilherme Miranda e Maria Inês Ruivo.

                                                                                              Hélio Santos – 12º LH1